Saiba como é possível comprar pagando menos impostos

Saiba como é possível comprar pagando menos impostos

Por meio do aplicativo Citizen, do IBPT, consumidor tem acesso à sua inflação pessoal e perfil de consumo, além de saber quanto paga em tributos nos produtos que adquire

Julho, 2019 – Protagonista em assuntos que estão diretamente ligados à vida do cidadão brasileiro, o IBPT – Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributaçãodesenvolveu o Citizen, primeiro aplicativo do país que revela ao usuário o valor dos tributos embutidos em cada compra.

De interface simples, ao fazer a leitura do QR Code da Nota Fiscal ao Consumidor Eletrônica (NFC-e) ou do código de barras do DANFE da NFe (Nota Fiscal Eletrônica) de cada compra, o cidadão consegue separar por categorias os itens adquiridos e, ao longo do tempo de uso, o aplicativo delineia o seu perfil consumidor e a sua inflação pessoal. Por meio do Citizen, que disponibiliza gráficos de leitura simples e intuitiva, é possível controlar os gastos por categoria, data, valor total, estabelecimento onde comprou e pesquisar a evolução do valor unitário de cada bem ou mercadoria.

“O Citizen foi desenvolvido pensando exclusivamente no cidadão. Com diferenciais únicos, o aplicativo ajuda o consumidor a saber onde (estabelecimento) está gastando mais, em qual tipo de produto e, dessa forma, ele pode fazer um comparativo mês a mês e ficar atento às suas finanças”, diz o presidente executivo do IBPT, João Eloi Olenike.

Além de ser um aliado do cidadão em suas compras, o Citizen é esclarecedor quando os assuntos são os tributos. “Somos reconhecidamente a instituição que mais se preocupa com a carga tributária do país. Recentemente, divulgamos a nona edição do IRBES – índice de Retorno ao Bem-Estar da Sociedade, estudo consagrado que revela a posição do Brasil quando o assunto é retorno de impostos entre os 30 países de mais alta carga tributária, e desde o início do estudo, ocupamos o último lugar. Tivemos efetiva participação na criação da lei que obriga o comerciante a inserir em local visível o valor pago pelo consumidor em tributos. Com o advento da tecnologia e a mudança muito rápida das coisas, não poderíamos ficar para trás, e o Citizen veio para incrementar aquilo que já fazemos e oferecemos para a sociedade”, destaca Olenike.

Economizando quando se paga menos impostos

O tributo está embutido em cada produto adquirido. No caso da cesta básica, por exemplo, ao longo de um ano, adquirindo 12 cestas básicas, o brasileiro poderia comprar outras três só com o valor do tributo. A questão é ficar de olho nos hábitos de consumo.

“Se o cidadão se propõe a fazer um acompanhamento da sua vida econômica pelo Citizen, ele consegue visualizar onde o produto que ele comprou, em estabelecimentos diferentes, custou mais barato e, dessa forma, se ele optar pelo local onde a compra foi ‘mais em conta’, ele estará economizando duas vezes: no valor do produto e nos tributos pagos”, conclui Olenike.

Disponível nas plataformas Android e iOS, diferente de outros aplicativos, o Citizen não coleta informações pessoais, como CPF e nem mesmo endereço ou renda. Outra facilidade do Citizen é que, independente da maneira utilizada para pagar as suas compras (dinheiro, crédito, débito, vale refeição ou alimentação), apenas a nota fiscal é necessária para alimentar o seu aplicativo, sem precisar ficar monitorando diversas ferramentas de controle de gastos.

Sobre o IBPT

O Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação – IBPT atua desde 1992 na área de inteligência tributária ao realizar pesquisas, estudos e análises para gerar conhecimento e esclarecer a população sobre o complexo sistema tributário brasileiro. Ao mesmo tempo, vem transmitindo informações e dando consultoria estratégica sobre carga tributária setorial, implementando sistemas de governança tributária e desenvolvendo ferramentas e métodos a fim de incrementar a lucratividade das empresas. Seus projetos socio tecnológicos tem ampla utilização, como o Impostômetro, De Olho No Imposto, Lupa Nas Compras Públicas E Empresômetro.

Mais informações podem ser obtidas pelo site: http://www.ibpt.org.br ou pelo telefone (41) 2117-7300.

Atendimento à imprensa – Descomplica Agência de Mídias

Janaína Fogaça – Jana@agenciadescomplica.com.br

Ulisses Dalcól – ulisses@agenciadescomplica.com.br

Fone: 41 9 9692.4573 – 41 3030-4480

Facebook/Instagram: @agenciadescomplica

Website: www.vempradescomplica.com.br

IBPT Educação forma tributaristas do futuro

IBPT Educação forma tributaristas do futuro

Julho de 2019 – O Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação – IBPT, por meio do seu braço educacional, IBPT Educação, vê que, somente qualificando profissionais da área tributária e fiscal será possível tornar o tributarista um profissional estratégico para desenrolar o emaranhado de normas tributárias e transformá-lo em inteligência de negócios aos seus clientes.

Segundo a diretora do IBPT Educação, Letícia Mary Fernandes do Amaral, um dos caminhos para atingir esse objetivo é “levar a metodologia do IBPT aos profissionais que atuam diretamente no ramo, difundindo esse conhecimento e ensinando como nosso altamente burocrático sistema tributário pode ser usado de forma estratégica na prestação de serviços pelos tributaristas”.

Atendendo aos anseios desses profissionais é que o IBPT Educação trouxe uma série de certificações, entre eles o MBA em Governança Tributária em parceria com a Universidade Positivo, que prepara para não só para a compreensão de questões técnicas do mundo tributário, mas também capacita em habilidades multidisciplinares como: gestão, economia e tecnologia da informação ligadas à tributação.

“A educação é o melhor caminho para entender qualquer área, o conhecimento é um dos instrumentos mais importantes para o crescimento pessoal e profissional”, diz Letícia.

Quem está antenado e sempre por dentro das constantes mudanças do sistema, além de entender essas mudanças, pode fazer com que empresas contribuintes gastem menos e sejam mais lucrativas por meio de estratégias que partem do conhecimento da tributação.

IBPT Educação estruturou suas atividades para efetivamente formar o tributarista do futuro, ou seja, o tributarista que consiga não apenas entender e acompanhar as questões técnicas relacionadas à área tributária, mas que também possa ir além, entendendo sobre como usar inteligência de mercado na prestação de seus serviços.

“Queremos formar profissionais estratégicos, verdadeiros diamantes para seus clientes”, afirma Letícia.

Por meio quatro níveis de certificações: o curso online Formação de Tributarista, que dá o Certificado de Tributarista Júnior; o BI & TAX PILLS: workshops de tributação e inteligência de negócios, que concede o título de Tributólogo nível 1; o Master em Tributação e Inteligência de Negócios, com o título de Master Tributólogo e o MBA em Governança Tributária, o IBPT Educação mostra que é possível entender e tirar estratégia de um dos mais complexos sistemas tributários do mundo.

Por isso mesmo, Letícia viu a necessidade de levar todo esse conhecimento sobre a metodologia do IBPT na formação de tributaristas, por meio da criação do seu perfil @tributaristadofuturo no Instagram. Lá ela vem publicando conteúdo sobre a temática, aconselhando profissionais em início de carreira e promovendo LIVES às terças e sextas-feiras às 13h.

SOBRE o IBPT Educação

Formar tributaristas do futuro com o selo de qualidade do IBPT é o propósito do IBPT Educação Ltda., empresa criada e dirigida pela advogada tributarista Letícia Mary Fernandes do Amaral.

Tendo como foco o treinamento profissional em tributação e inteligência de negócios, promove cursos em 4 níveis, do básico ao avançado, além de treinamentos, congressos e eventos na área tributária.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (41) 2117-7310 ou pelo site http://educacao.ibpt.com.br/

Atendimento à imprensa – Descomplica Agência de Mídias

Janaína Fogaça – Jana@agenciadescomplica.com.br

Ulisses Dalcól – ulisses@agenciadescomplica.com.br

Fone: 41 9 9692.4573 – 41 3030-4480

Facebook/Instagram: @agenciadescomplica

Website: www.vempradescomplica.com.br

IBPT firma convênio com Hospital Erasto Gaertner

IBPT firma convênio com Hospital Erasto Gaertner

Por meio do aplicativo Citizen, parceria tem como objetivo contribuir para a construção do Erastinho, primeiro hospital oncopediátrico do Paraná

Junho, 2019 – Uma parceria inédita entre o IBPT – Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação e o Hospital Erasto Gaertner foi firmada recentemente. Por meio dela, as pessoas que decidirem doar as suas notas ficais, sem a inserção do CPF, podem fazê-lo por meio do aplicativo Citizen, do IBPT.

As doações obtidas por meio das notas fiscais têm como destino a construção do Erastinho, hospital 100% infantil para tratamento de pacientes com Câncer. “O Hospital Erasto Gaertner vai incentivar que as pessoas interessadas em realizar doação de notas fiscais para o estabelecimento passem a utilizar o aplicativo Citizen para essa finalidade. Por meio de nossas plataformas, conseguimos identificar a quantidade de doações realizadas”, diz o presidente-executivo do IBPT, João Eloi Olenike.

Solidariedade na palma da mão

Quem está habituado a pedir a nota fiscal sem o CPF e doá-la para instituições, encontra no Citizen um aliado. A partir de agora, as notas coletadas e escaneadas por meio do aplicativo e em que não constarem o CPF, serão imediatamente doadas ao Hospital Erasto Gaertner que receberá as doações para a construção do Erastinho.

“Essa é uma forma que o IBPT encontrou de dar suporte a uma causa tão nobre como essa. A construção do Erastinho vai ampliar a capacidade de atendimento do Erasto Gaertner, além de atender com exclusividade a crianças que veem de todo o Brasil buscar o atendimento de referência nacional executado por eles”, diz Olenike, que completa: “a nota fiscal sem CPF será muito bem-vinda e seu retorno será muito bem aplicado”.

De olho nos gastos e nos impostos

Protagonista em assuntos que estão diretamente ligados ao cotidiano do cidadão brasileiro, o IBPT lançou recentemente o aplicativo Citizen – Cidadão contribuinte, nele, o usuário consegue ter uma dimensão de seus gastos e saber exatamente para onde seu dinheiro está indo. “É o primeiro aplicativo do Brasil a reunir as mais variadas informações sobre os hábitos de consumo do cidadão. Ali ele fica sabendo qual item custou mais caro, em qual estabelecimento suas compras foram mais vantajosas e com um diferencial único dos demais aplicativos que prometem o gerenciamento dos gastos: no Citizen, o usuário consegue saber quanto daquilo que ele pagou são tributos”, conta Olenike.

Disponível nas plataformas Android e iOS, após baixar o aplicativo e fazer o cadastro inicial, o usuário faz a leitura do QR Code da Nota Fiscal ao Consumidor Eletrônica (NFC-e) ou do código de barras do DANFE da NFe (Nota Fiscal Eletrônica) de cada compra, podendo também lançar notas fiscais de meses anteriores. Por meio do app é possível controlar os gastos por categoria, data, valor total, estabelecimento onde comprou e pesquisar a evolução do valor unitário de cada bem ou mercadoria. Após seis meses de uso constante, registrando compras em supermercados, farmácias, lojas, postos de combustíveis e restaurantes, o aplicativo identifica a inflação do usuário.

Sobre o IBPT

O Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação – IBPT atua desde 1992 na área de inteligência tributária ao realizar pesquisas, estudos e análises para gerar conhecimento e esclarecer a população sobre o complexo sistema tributário brasileiro. Ao mesmo tempo, vem transmitindo informações e dando consultoria estratégica sobre carga tributária setorial, implementando sistemas de governança tributária e desenvolvendo ferramentas e métodos a fim de incrementar a lucratividade das empresas. Seus projetos sociotecnológicos tem ampla utilização, como o Impostômetro, De Olho No Imposto, Lupa Nas Compras Públicas E Empresômetro.

Mais informações podem ser obtidas pelo site: http://www.ibpt.org.br ou pelo telefone (41) 2117-7300.

Atendimento à imprensa – Descomplica Agência de Mídias

Janaína Fogaça – Jana@agenciadescomplica.com.br

Ulisses Dalcól – ulisses@agenciadescomplica.com.br

Fone: 41 9 9692.4573 – 41 3030-4480

Facebook/Instagram: @agenciadescomplica

Website: www.vempradescomplica.com.br

Foto para divulgação

Real frota circulante no brasil é de 65,8 milhões de veículos, indica estudo

Real frota circulante no brasil é de 65,8 milhões de veículos, indica estudo

Real frota circulante no brasil é de 65,8 milhões de veículos, indica estudo


Elaborado pelo IBPT em parceria com o Empresômetro, o mais completo estudo sobre a efetiva frota circulante no país identifica total de 50,7 milhões de autoveículos e 15,1 milhões de motocicletas.

Curitiba, 19/03/18 – Devido aos efeitos da queda drástica das vendas de autoveículos (automóveis, caminhões e ônibus) nos últimos três anos, a frota circulante praticamente estagnou. Para se ter uma ideia, no ano de 2017, pouco mais de 889 mil veículos foram agregados a esta frota, um crescimento de apenas 1,37% em relação ao ano anterior. É o que indica o levantamento realizado pelo Empresômetro, empresa brasileira de inteligência de negócios em parceira com o Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação –  IBPT, instituição referência no Brasil em assuntos estratégicos e de tributação.

É um verdadeiro censo da frota brasileira, com a compilação de dados dos últimos oito anos de todos os veículos em circulação por tipo, marca, modelo e ano de fabricação por estado e por município, como explica o advogado tributarista e Coordenador de Estudos do IBPT, Gilberto Luiz do Amaral: “o estudo levou três anos para ser concluído e se constitui no mais completo levantamento da frota brasileira de veículos em circulação”, afirma.

Há no Brasil 65,8 milhões de veículos dos mais diversos tipos entre leves, ônibus, caminhões e motocicletas, todos esses em efetiva utilização. Desse total, 41,2 milhões são automóveis (62,65%), 7,0 milhões são comerciais leves (10,67%), 2 milhões são caminhões (3,09%), 376,5 mil são ônibus (0,57%)  e 15,1 milhões são motocicletas (23,01%).

O Estado de São Paulo possui a maior frota circulante, com 18,9 milhões de veículos (28,76% do total), seguido por Minas Gerais com 8,1 milhões de veículos (12,28%) e Paraná com 5,2 milhões de veículos (7,83%). Contrapondo-se, as menores frotas estão nos estados do Amapá, com 122,5 mil veículos (0,19% do total), Roraima, com 125,1 mil veículos (0,19%), e Acre, com 192,1 mil veículos (0,29% do total).

“Os números dos veículos efetivamente em circulação foram resultados de pesquisas junto ao Denatran, Secretarias de Estado da Fazenda (IPVA), ANTT – Seguradora Líder (DPVAT), com a captura de dados através da Lei de Acesso à Informação”, explica o presidente executivo do IBPT, João Eloi Olenike.

Desde 2011, quando mais de 4 milhões de veículos foram adicionados à frota, com crescimento de 8,32% em relação ao ano anterior, o ritmo de crescimento da quantidade de veículos em circulação vem caindo, atingindo um pífio aumento de 889 mil em 2017, equivalente a 1,37% em relação a 2016.  Segundo Olenike, “se não houver imediata mudança nas políticas para renovação da frota, haverá encolhimento dessa frota circulante, com reflexos econômicos perversos para o país”.

A relevância desse estudo para o governo e setor privado é elevada. “O levantamento é imprescindível para a formulação de políticas públicas e estratégias empresariais, interessando aos governos, montadoras, indústrias, atacadistas e varejistas de veículos, peças e acessórios, seguradoras, instituições financeiras, reparadores, entidades empresariais e instituições de ensino e pesquisa”, ressalta Gilberto Luiz do Amaral.

Link para Estudo – https://vempradescomplica.com.br/docs/estudo_frota_completo.pdf

Mais informações podem ser obtidas pelo site: http://www.ibpt.org.br ou pelo telefone (41) 2117-7300.

 

Atendimento à imprensa – Descomplica Agência de Mídias

Janaína Fogaça

Jana@agenciadescomplica.com.br

Ulisses Dalcól

ulisses@agenciadescomplica.com.br

Fone: 41 99692-4573 / 3030-4480

Facebook: @agenciadescomplica

Website: www.vempradescomplica.com.br